Câmara Aberta na RCF

Painel do Câmara Aberta – Filipe T. Moreira, Alferes Pereira e Paulo Sérgio Gonçalves

O ano começou com um novo desafio, o regresso à RCF, rádio onde me estreei como comentador residente em 2013 e onde volto para integrar o painel do “Câmara Aberta” juntamente com o já residente Alferes Pereira e o habitual moderador, Paulo Sérgio Gonçalves.

Neste programa, que passa em direto às sextas-feiras (às 19 horas) e em diferido aos domingos à tarde, todas as semanas, iremos trazer até si o comentário aos principais temas locais e nacionais.

Para ouvir, basta sintonizar em 104.7fm (distrito de Aveiro) ou no website da rádio (https://radioclubedafeira.pt/), pode ainda ver e ouvir na página do Facebook da RCF, onde passa também em direto (https://www.facebook.com/radioclubedafeira104.7/).

O programa desta semana (8 de janeiro) está disponível em ->  https://fb.watch/2UxYlmHLFn/

Até à próxima sexta-feira!

SafeWeb: um projeto piloto em Portugal (apresentação)

SafeWeb: um projeto piloto em Portugal

Apresentação realizada no VIII Seminário Nacional Investigando Práticas de Ensino (SNIPE) e VI Seminário Internacional de Práticas Pedagógicas Inovadoras (SIPPI) (2020)

Apresenta-se o projeto piloto SafeWeb, que está a ser desenvolvido na localidade da Branca (Portugal) e que envolve as instituições PROBRANCA- Associação para o Desenvolvimento Socio-Cultural da Branca, com o apoio do BPI e da Fundação “la Caixa” e o Centro de Competência TIC da Universidade de Aveiro, como entidade avaliadora. Com este piloto, pretende-se desenvolver um guião que possa ser, posteriormente, utilizado por outras instituições para a promoção de literacia e cidadania digital, com forte enfoque no uso da Internet, de forma esclarecida e segura, por parte de crianças e jovens (dos 6 aos 15 anos de idade). Conscientes de que os encarregados de educação são parte fundamental na formação das crianças e jovens, o projeto comtempla-os, também, através de palestras direcionadas. Como resultados até ao momento, criou-se a primeira versão do guião.

Disponível aqui.

Academias Digitais para Pais – o que são?

Conforme se pode ler no site da Direção-Geral da Educação[1] (DGE), o Programa Academia Digital para Pais é uma iniciativa da EDP Distribuição – Energia, S.A. em parceria com a DGE, que visa dar a possibilidade aos pais/encarregados de educação, de crianças do 1º e 2º ciclos, de Escolas que integram o Programa Territórios Educativos de Intervenção Prioritária (TEIP), de frequentar ações de formação promotoras de competências digitais. Com este programa, pretende-se dotar as famílias de competências digitais básicas que facilitem o acompanhamento escolar dos filhos e ainda lhes facultem ferramentas de integração, essenciais na sociedade atual. Pretende-se, ainda, combater as assimetrias socioeconómicas existentes, na iminência de virem a ocorrer situações de contingência que obriguem à suspensão das atividades letivas, em regime presencial.

Ou seja, contrariamente ao veiculado em alguma comunicação social e amplamente disseminado por diversos blogues, este Programa não visa ajudar os pais a ajudar os alunos a fazer os trabalhos de casa. O objetivo é capacitar os pais/encarregados de educação para a utilização de ferramentas digitais (como por exemplo email, browsers, etc…) promovendo assim a inclusão digital.

Acho por isso muito estranho que colegas se tenham deixado levar pelo fervor do momento, ou talvez pela ânsia de terem muitas visualizações nas suas publicações, e tenham por isso ignorado a fonte original da notícia, o site da DGE. Não nos podemos esquecer da fundamentalidade do Pensamento Crítico na vida e ação docente.

Continuar a ler Academias Digitais para Pais – o que são?

Participação no SNIPE/SIPPI

Nos próximos dias 24 e 25 vou participar no VIII Seminário Nacional Investigando Práticas de Ensino (SNIPE)/VI Seminário Internacional de Práticas Pedagógicas Inovadoras (SIPPI) organizados pelo Sistema Positivo de Ensino (SPE) – https://seminariosnipe.com.br/.

Este ano estarei presente com uma apresentação de um artigo curto intitulado SAFEWEB: um Projeto Piloto em Portugal.

Continuar a ler Participação no SNIPE/SIPPI

Workshop de Programação Tangível

A Fábrica Centro Ciência Viva de Aveiro associa-se à celebração da Semana Europeia da Robótica com um programa de atividades de robótica e programação para todas as idades.

Neste âmbito estarei a dinamizar um workshop de programação tangível no próximo dia 29 (domingo) entre as 10h00 e as 12h30 no espaço Dóing da Fábrica Centro Ciência Viva de Aveiro. Neste workshop iremos programar robots de forma tangível.

Público-alvo: maiores de 10 anos
Bilhete: 5€/participante (não é necessária a presença de um adulto acompanhante)
Inscrição obrigatória: 234 427 053 ou fabrica.cienciaviva@ua.pt

Mais informações em https://www.facebook.com/events/998221123991924

Todo o programa em https://www.ua.pt/pt/fabrica/semana-da-robotica?fbclid=IwAR3sbY7sxSgx2TouaeBs0NSkChia8CBbtGWbKgH-QvLV9V6Zx7CP5enUAYA

Para terminar a CodeWeek – um jogo novo

A Semana Europeia do Códido (#CodeWeek) – 10 a 25 de outubro – está quase a terminar. Para celebrar, esta sexta-feira, na Academia de Código, Robótica e Gaming da Fábrica Centro Ciência Viva de Aveiro estivemos a programar em Scratch o jogo Crazy Cat. Neste jogo, a personagem principal é controlada através dos movimentos do jogador que são detetados pela webcam do computador, conforme podem ver no vídeo abaixo.

Para experimentarem o jogo basta seguir este link: https://scratch.mit.edu/projects/440422958. (Possivelmente, terão de dar permissão para que o site aceda à webcam do vosso dispositivo)

Link de acesso à publicação da Fábrica Centro Ciência Viva de Aveiro: https://www.facebook.com/fabricacienciaviva/videos/379381366745287

O Workshop da MTFSparks

Em depoimentos ao JN sobre o Workshop promovido pela MTFSparks (Imagem da Aveiro Tech City)

Decorreu no passado sábado o workshop dinamizado pela MTFSparks (mtflabs.net) onde participei em representação da Fábrica Centro Ciência Viva de Aveiro. Com este workshop, que durou um dia, pretendeu-se proporcionar a alunos e professores o contacto direto com a música e o som de forma experimental, explorando simultaneamente áreas como a tecnologia, a engenharia, a ciência e a matemática de forma integrada, criativa e dinâmica.

Como resultado final realizou-se uma performance artística com os alunos que participaram na formação.

Continuar a ler O Workshop da MTFSparks

A Code Week 2020 está aí…

A 7ª Semana Europeia do Código (CodeWeek) está a chegar. Este ano a iniciativa decorrerá ao longo de mais de duas semanas, mais precisamente de 10 a 25 de outubro. Porém o seu início é assinalado em forma de webinar já no dia 8 e vai contar com a participação de alguns dos maiores especialistas na matéria (pode consultar aqui https://codeweek.eu/featured-activities). A iniciativa, à semelhança dos anos anteriores, é promovida por diversas entidades europeias, das quais se destaca a Comissão Europeia.

Esta iniciativa visa celebrar a criatividade e desmistificar questões relacionadas com a programação, de forma a dar a conhecer, cativar e trazer mais crianças, jovens e adultos para este “mundo”. Além disso, não se pode ignorar que o mercado de trabalho está ainda a necessitar de programadores e de se estimar que a procura continue nos próximos anos. Daí que tenha havido, desde o início, o envolvimento de muitas organizações, o que tem feito desta iniciativa um sucesso, de tal forma que atividades, como a da Semana Europeia do Código, têm sido promovidas por todo o mundo, aliás o mapa das atividades inscritas para a “CodeWeek” ultrapassa, e muito, as fronteiras da Europa.

Portugal não tem ficado de fora desta iniciativa e à semelhança do resto da Europa tem registado vários eventos dos os anos, tendo o recorde sido alcançado em 2019 com mais de 700 eventos em todo o país. Para este ano estão já registados mais de uma centena. Qualquer pessoa pode registar a sua atividade na plataforma (em https://codeweek.eu/events). Assim que estiver registada surgirá no mapa. Podem registar qualquer tipo de atividade, podendo ser um workshop, aula aberta, formação contínua, etc…desde que tenha como temática a programação.

Continuar a ler A Code Week 2020 está aí…