O corvo e raposa escrito pelo 5ºB do Colégio D. José I

Photo by Hannes Wolf on Unsplash

Partilho esta fábula criada, num exercício colaborativo, pela turma do 5.ºB (do ano letivo 2013/14) no Colégio D. José I, alunos que tive o gosto de lecionar e com os quais muito aprendi. Quanto à fábula, como em todas, a mensagem mantém-se atual.

Continuar a ler O corvo e raposa escrito pelo 5ºB do Colégio D. José I

Dia Internacional do Cão – A Laika

Laica no Monumento aos Conquistadores do Cosmos (Moscovo)

No dia Internacional do Cão não poderia deixar de recordar a Laika (na figura À esquerda, retirada da Wikipedia), uma cadela de rua nascida em 1954 que viria a ser o primeiro animal a completar uma órbita ao planeta Terra em 1957 a bordo da Sputnik 2.

Sobre a Laika não há nada de novo que possa acrescentar. As verdadeiras causas da sua morte foram tornadas públicas em 2002 – sobreaquecimento, possivelmente causado por uma falha técnica que impediu a separação de componentes da nave.

Nos anos seguintes à missão da Laika mais 4 cães viriam a morrer no âmbito do programa espacial soviético, por causas diferentes.

A morte de Laika levou ao surgimento (ou pelo menos fortalecimento) de um debate internacional sobre os direitos dos animais. Aliás, debate que dura até hoje e sobre o qual haverá ainda um longo caminho a fazer. A este respeito Oleg Gazenko, um dos cientistas responsáveis pelo envio da Laika para o espaço, afirmou em 1998:

“Work with animals is a source of suffering to all of us. We treat them like babies who cannot speak. The more time passes, the more I’m sorry about it. We shouldn’t have done it… We did not learn enough from this mission to justify the death of the dog”.

Continuar a ler Dia Internacional do Cão – A Laika

Aisoy, o robô simpático

(Artigo originalmente publicado em 2016)

Que os robôs têm um efeito positivo na motivação das crianças para a aprendizagem, não é um dado desconhecido,  como não é desconhecido o seu potencial para o ensino da programação.

No entanto, relativamente a emoções, sentimentos e valores já não é tão claro o seu potencial ou pelo menos não era, até conhecermos o Aisoy.

Este simpático robô, que figura na fotografia, foi criado pelos espanhóis da AIsoy, é possível programa-lo com Scratch e pode aprender com base em interações, reconhecer faces, tomar decisões e dialogar com pessoas autonomamente.

Apresenta-se ao mercado como um robô educativo e emocional, todavia as suas potencialidades são praticamente incalculáveis.

O Aisoy é o parceiro ideal de qualquer professor, permite uma abordagem simpática a praticamente todos os temas, sejam eles complexos como a inteligência artificial ou mesmo os mais sensíveis como o bullying ou a morte que muitos docentes não se sentem especialmente à vontade para abordar. É uma excelente ferramenta potenciadora de debate e de criatividade.

Continuar a ler Aisoy, o robô simpático

ADOLESCENTES – DEPRESSÃO E USO DE SMARTPHONES – ESTUDO

Um estudo publicado no final de 2017 na revista Clinical Psychological Science  da autoria de Jean M. TwengeThomas E. JoinerMegan L. Rogers e de Gabrielle N. Martin revela que o número de adolescentes americanos com depressão tem estado a aumentar desde 2012, relacionando este facto com o uso de smartphones por esta faixa etária.

O estudo revela que os adolescentes que passam mais tempo nas redes sociais e a utilizar equipamentos digitais revelam mais problemas mentais, enquanto que adolescentes que passam mais tempo em atividades “nonscreen” revelam menos tendência para este tipo de problemas.

Para aceder ao estudo e ter acesso a todos os detalhes da investigação e seus resultados, siga o endereço: http://journals.sagepub.com/doi/full/10.1177/2167702617723376